domingo, 24 de outubro de 2010

Se você soubesse ...


Se você soubesse o quanto isto dói, você nem teria começado essa historia. Não teria sequer olhado nos meus olhos e dizer o quanto me amava. Se você soubesse que um dia não me desejaria mais, não teria me prometido mil e uma coisas, sabendo que nem um terço delas iria conseguir cumprir. Se você soubesse que um dia nós nos arrependeríamos, talvez não tivesse a coragem de me escrever uma música, que falava sobre o amor que existia entre nós. E não teria me beijado. Se você soubesse o quanto eu sentiria sua falta, você me pouparia tanto ódio e rancor da vida. Porque ela me trouxe você e, ao mesmo tempo, te levou embora sem que eu pudesse fazer nada, sem que eu pudesse lutar, ou te amar mais.  Eu sei, sei que não posso mais te ter comigo. A decisão foi minha. Foi a coisa mais difícil que eu já fiz em algum momento nesta vida... Se você soubesse o quanto doeu ter que dizer tudo aquilo, acho que não estaria ai, lendo este poema, com os olhos cheios de lagrimas e o seu coração pedindo para me ter em tuas mãos. Se você soubesse o quanto eu ainda te amo, já teria largado tudo o que esta fazendo, para me conquistar de volta. Voltaria correndo, que nem você faz com ela. Mas eu sei que você não me ama tanto assim. Você não me pediu mais chances, não tentou me convencer de que o destino nos uniu, não chorou quanto eu te disse adeus e nem sequer, me disse o quanto ainda me amava. AH! Se você soubesse o que é o amor, o que é desejar alguém e o que é sofrer por alguém que não te ama...
Aline Bueno

Nenhum comentário:

Postar um comentário